Do Campo Grande News

Tem coisa que parece surreal, mas acontece. Na madrugada de domingo, o estudante Lucas Alexandre Corrêa Cruz, de 21 anos, bebeu todas e acabou indo parar em Londrina (PR). O preço da maluquice? R$ 1,5 mil de táxi, que saiu de Campo Grande (Mato Grosso do Sul).

História de Lucas viralizou nas redes – Foto: Reprodução

A aventura começou depois de brigar com a ex-namorada no show da dupla Jorge e Mateus, em Campo Grande. No dia seguinte, depois de puxão de orelhas da mãe, ele falou sem frescura sobre o que aconteceu, para que sirva de lição a todos.

A família ficou super preocupada, mobilizou os amigos, até o rapaz aparecer. Por telefone, Lucas descreveu ao Lado B como tudo aconteceu, já rindo da história. “Eu fui no show e bebi muito. Devo ter bebido sozinho meia garrafa de vodka e umas cervejas. Acabei discutindo com a minha namorada e fui embora”.

A relação entre o álcool e direção é fatal, mas ainda bem que Lucas não pensou em pegar o carro. Depois de entrar em um táxi em frente ao Parque de Exposições Laucídio Coelho, foi até a Rodoviária na tentativa que outro taxista o levasse até Londrina, que fica a 650km de Campo Grande, cidade onde mora a avó. “Sai perguntando se alguém me levava. Achei um que topou, mas ele disse que passaria em casa para buscar a esposa e eu falei que tudo bem”.

Depois disso Lucas dormiu por 8 horas e só se deu conta da viagem quando foi acordado pelo taxista. “Cheguei em Londrina sem bateria no celular e a mulher dele me perguntou se por um acaso não era eu que estava desaparecido”.

Em Campo Grande, o desaparecimento de Lucas deixou muita gente assustada. Parentes compartilharam a fotografia do jovem nas redes sociais em busca de notícias. Quando fez o primeiro contato com a mãe, publicou em seguida no Facebook que estava bem em outra cidade.

“Eu ainda tinha mandado uma mensagem pra minha mãe dizendo que ia desaparecer e isso deixou ela mais preocupada. Hoje em dia não dá para sumir um minuto”, diz.

Apesar do susto e do puxão de orelha que afirma ter levado da família, Lucas parece tranquilo. “É uma coisa que eu vou contar para os meus filhos. Levei um susto e tive que sair para comprar roupa. Agora estou aqui com a minha vó”, tranquiliza.

Para ler a matéria completa no Campo Grande News clique aqui.