Portal Catve.tv
Maisson falou à reportagem da Catve.tv

As marcas no rosto já diminuíram, mas ainda denunciam a violência. Maisson foi agredido por dois rapazes dentro do Terminal Leste em Cascavel. “Quando eu passei ,ele me chamou pra conversar, quando ele me chamou já veio com insultos, eu não revidei, pois estavam em bastante pessoas, e aí virei as costas e saí, ele veio e já foram me agredindo, me derrubando, foi bem humilhante”. A agressão no último sábado (20), não foi a primeira, uma semana antes o jovem foi humilhado e também apanhou do mesmo rapaz, no mesmo local. O motivo de tanta violência seria a homofobia.

O caso foi registrado na Polícia Civil nesta manhã (23), Maisson resolveu fazer a denúncia para evitar que outras pessoas passem pela mesma situação. Os terminais urbanos são monitorados por câmeras de segurança, mas não se sabe dizer se o sistema captou as agressões a Maisson. O sistema está passando por modificações e não é possível acessar os registros na central de monitoramento.

Segundo a Cettrans as imagens podem ter sido gravadas na própria câmera, mas para obter esses registros será preciso abrir todos os equipamentos, o que só será feito na semana que vem. O delegado que acompanha o caso pediu um exame de corpo de delito para confirmar as agressões.

Infelizmente o caso deve ser enquadrado como lesão corporal simples, que resulta apenas em um termo circunstanciado. O Brasil ainda não tem uma lei específica para punir casos de homofobia. Um projeto tramita no Senado Federal, mas ainda necessita de aprovação.

Para assistir a matéria completa no Portal Catve.tv clique aqui.