Por Elizangela Jubanski

Duas crianças de 10 e 7 anos estão desaparecidas há 24 horas em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba. Ana Carolina Cordeiro Alves e Gustavo Benjamin Cordeiro Alves são irmãos e moram com a avó paterna, no Jardim Graziela, desde que nasceram. Eles saíram de casa na manhã de ontem (8) e não retornaram mais. No colégio onde estudam, Escola Municipal Ipê, ninguém viu o casal de irmãos.

Em entrevista à Banda B, Vera Alves, que é a avó materna das crianças, contou que os dois saíram de casa às 8 horas da manhã, quando se arrumavam para ir à escola. “Eles não estão de uniforme, pegaram a chave do portão escondido e foram embora. Ontem à noite, me disseram que eles estavam perto de um mercado, mas quando fomos já não estavam mais. Estavam só de camiseta, naquele frio, sem bolsa, parece”, contou.

Os irmãos perderam o pai há cerca de 4 anos. A mãe mora na região, mas não tem contato com as crianças. A avó materna, que falou com a Banda B, vê os netos fins de semana e contou que semana passada eles já teriam saído de casa sem avisar,  dizendo que não queriam mais voltar. “Eu fui lá na casa dessa pessoa e busquei os dois, eles disseram que não querem morar lá, que não gostam de morar lá. Eu disse que ela está doente e que não pode se incomodar, mas não adianta”, descreve.

Segundo Vera, a garota tem gazeado bastante aula para passar o dia longe de casa. “A diretora ligou dizendo que ela estava faltando. Ela espera a pessoa que a leva para escola ir embora, dá volta e não entra. Passa o dia fora da escola”, lamenta a avó.

As duas avós se encontraram na tarde de ontem para registrar o Boletim de Ocorrência na Delegacia de Almirante Tamandaré. “Quem atendeu a gente lá disse que era pra ela voltar lá, porque tem a guarda deles, que o caso seria enviado ao Conselho Tutelar, ao Sicride e depois iam começar a ir atrás deles. É muita burocracia, meu Deus, são duas crianças”, finalizou a avó, desesperada.

*Atualização 11h27: As crianças foram encontradas logo após a divulgação da reportagem, no município de Colombo. Elas estavam próximas a um estabelecimento comercial. A família já está a caminho do encontro das crianças. O Conselho Tutelar deve acompanhar o caso delas.

Conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), a foto dos irmãos foi retirada da página, já que o intuito principal, que é o de encontrá-los, foi concluído.