O contribuinte que quitar o valor do Imposto Sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) 2013 de 6 a 22 de fevereiro, de acordo com o final da placa do veículo, terá desconto de 5%. Por exemplo, para ter o benefício, o proprietário de veículos com placa final 1 tem até o próximo dia 6 para pagar o imposto. O último prazo será no dia 22 para os veículos com placas terminadas em 0.

Para o secretário da Fazenda do Paraná, Luiz Carlos Hauly, é vantajoso ao proprietário do veículo pagar o imposto de uma só vez para obter o desconto de 5%. “Somando-se a redução do valor do IPVA no Estado, que em alguns casos passou de 11%, ao desconto, o pagamento à vista é interessante ao contribuinte”, acrescenta.

Julio Suzuki, diretor do Centro de Pesquisas do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes), também recomenda o pagamento à vista. Para ele, a taxa de inflação em cinco meses, caso o proprietário resolva pagar o IPVA parcelado, ficará bem abaixo de 5% e o rendimento de investimentos em renda fixa não atingirá esse patamar. “Por isso, o contribuinte terá vantagens se quitar o imposto em sua totalidade”, afirma.

Redução

Neste ano, o contribuinte teve surpresa agradável ao constatar que houve queda nos valores do IPVA em comparação com o imposto lançado em 2012. Todos os modelos de veículos sofreram redução no valor do tributo, chegando a até 11,4% no caso dos automóveis.

Pela tabela de valores venais usada para calcular o IPVA no Estado, que é elaborada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), por meio de pesquisa no mercado de veículos realizada no mês de setembro de 2012, houve queda de 8,4% no valor do tributo de caminhonetes e utilitários, de caminhões (9%), ônibus (8,6%), enquanto para motocicletas a redução foi de 0,9%.

A alíquota do IPVA no Estado é de 1% para ônibus, micro-ônibus, caminhões e carros movidos a gás natural, e de 2,5% para motocicletas e similares, automóveis e caminhonetes.

Aumento

Dados da Receita Estadual mostram que 3.963.476 veículos irão pagar IPVA neste ano, o que representa aumento de 7,1% frente aos 3.699.930 de unidades tributadas em 2012. Com isso, prevê-se arrecadação de R$ 1,75 bilhão, superando em 6,2% o R$ 1,64 bilhão do ano passado. Do total arrecadado, 50% são destinados aos municípios.

De acordo com informações do Setor de IPVA da Receita, a frota estadual aumentou 5,9% passando dos 5.443.281 veículos em 2012 para 5.763.829 neste ano. No Estado, 1,8 milhão de veículos não pagarão IPVA. Estão incluídos aí os veículos com mais de 20 anos de fabricação, táxis e os usados no transporte escolar, registrados em nome de particular, entre outros.

Pagamento

Como a ficha de compensação, junto com o INFORMATIVO – IPVA/2013, já foi entregue aos contribuintes, por meio dos Correios, o pagamento poderá ser feito em qualquer instituição bancária e seus autorizados. Para ter os 5% de desconto na quitação à vista, é preciso ficar atento para o vencimento do prazo que consta do calendário por final de placa, entre os dias 6 e 22 de fevereiro.

A Secretaria da Fazenda esclarece ainda que o pagamento também pode ser feito nas instituições autorizadas (Banco do Brasil, Bradesco, Itaú e Sicredi), utilizando-se apenas o número do Renavam.