O Instituto de Pesos e Medidas do Paraná (Ipem-PR) realizou, na semana de 4 a 8 de fevereiro, a Operação “Mãos à Obra”, quando foram fiscalizadas lojas de construção civil em todo o Estado. Os itens analisados foram os equipamentos de proteção individuais. O objetivo da operação foi o de garantir maior segurança e qualidade aos usuários destes equipamentos de uso obrigatório para o setor.

Dos 1.510 equipamentos fiscalizados, 1.429 foram aprovados e 81 peças semifacial filtrante foram apreendidas. Destas, 38 peças são de máscara para agricultura, 29 peças de máscara para pintura e 14 de máscara para lixamento.

Os fiscais observaram se os equipamentos como capacetes de segurança para uso na indústria, luvas isolantes de borracha e máscaras de proteção individual em ambientes não propícios estavam dentro das normas exigidas pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

“Embora o Ipem realize fiscalizações periódicas neste tipo de material, pela primeira vez essa operação é realizada pelos órgãos delegados do Inmetro na mesma data em todo o país”, destacou o presidente do Ipem-PR, Rubico Camargo. Para ele, “é preciso que as pessoas que fazem uso desses equipamentos possam levar para casa produtos corretos e seguros”.

ITENS VERIFICADOS – Foram verificados 545 capacetes de segurança para uso na indústria, 220 luvas isolantes de borracha e 745 máscaras de proteção individual. “Todos esses itens precisam apresentar o selo de identificação da conformidade do Inmetro, que é o que garante que os mesmos passaram pelos ensaios do Instituto e são de fato seguros para o cidadão”, disse o presidente do Ipem.

As lojas que venderem produtos fora dos padrões determinados pelo Inmetro têm um prazo de 10 dias para apresentação de documentos fiscais que comprovem a origem do produto. E também estarão sujeitas a processo administrativo, que pode culminar em advertência ou multa. O cidadão que tiver dúvidas pode entrar em contato com a Ouvidoria do Ipem-PR, através do telefone 0800 645-0102, ou pelo e-mail [email protected]