Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento

Uma manifestação indígena tomou a calçada da rua Cândido Lopes, no Centro de Curitiba, na manhã desta terça-feira (6). Cerca de 80 índios protestavam contra a atual gestão as faltas de investimentos na Saúde. Segundo eles, a nova gestão não acolhe os problemas diários de tribos indígenas, faz chacotas e não prevê investimentos na área da saúde.

A rua não foi bloqueada para protesto e acontece apenas em frente ao prédio. O cacique Paraguaçu, responsável pelos índios da manifestação, disse à Banda B que falta saneamento básico nas aldeias. “Aqui funciona a Secretaria Social de Saúde Indígena, onde estamos reivindicando a saída da gestora (…) que nos agridem por meio de áudios, que está no Ministério Público. Ela desviou aqui no Paraná para fazer uma mansão, enquanto nossas crianças estão morrendo dentro da aldeia, sem saneamento básico, sem gasolina para levar as pessoas para o hospital”, disse.

Ainda, segundo ele, os gestores teriam discursos difamatórios contra os índios. “Ela difama a gente, chama de marginal. Queremos apenas nosso direito e melhoria da nossa saúde. Exigimos respeito. Essa luta é dos nossos antepassados, exigimos respeito com nosso povo”, finaliza.