Um casal de Curitiba, que estava a passeio em Cascavel, na região oeste do estado, queria apenas um feriado em família tranquilo, mas, após participar de uma confraternização descobriu que havia perdido as malas, inclusive uma com jóias que eles usam para vender, avaliada em R$ 100 mil.

O casal com o auxilio de uma amiga percorreu várias vezes o caminho em que passaram, mas nada encontraram. Foi então que, nas mãos do guarda patrimonial Valcir Rocha, a mala com as jóias foi parar. Ele voltava para casa e não estava a serviço quando viu a mala. “Eu olhei o que tinha dentro, coloquei dentro do carro e fui para casa”, conta o guarda.

Valcir conta que quase não conseguiu dormir de ontem para hoje. Na cabeça um só pensamento: devolver tudo ao verdadeiro dono. “Essa noite não consegui dormir um minuto, a mulher achou até que eu estava doente, pensei vou esperar amanhecer e resolver isso”.

E foi o que aconteceu. Ainda na manhã desta quinta-feira (02), o guarda patrimonial que participa de um curso no Corpo de Bombeiros levou a mala para o quartel e em seguida para a Polícia Militar.

Do outro lado da história, a vendedora e o empresário, aguardavam aflitos por notícias. Já no Batalhão, Mariana ainda aguarda que as outras duas malas – uma de roupas da família e outra de calçados também sejam devolvidas. “Foi um alívio, ainda precisamos das outras malas e temos a esperança de que vamos encontrar”, disse a mulher identificada como Mariana.

Assista a reportagem completa no Portal Catve, clicando aqui.