Por Marina Sequinel e Geovane Barreiro

Professores, alunos e moradores de Fazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba, estão preocupados com a situação da quadra esportiva da Escola Estadual Anita Canet. A informação é de que o muro de arrimo de 8 metros de altura, feito para conter desmoronamento, está cedendo, o que compromete toda a estrutura do pátio.

Foto: Divulgação – Escola Anita Canet

O diretor Almir Rogério Bezerra contou à Banda B que o problema começou há três anos. “A quadra foi coberta e o muro construído faz cinco anos. Só que a estrutura não aguenta mais, já que o local fica praticamente em um fundo de vale”, explicou.

Uma mãe que procurou a Banda B falou que teme pela saúde de seu filho. “Ele pode ficar gordinho sem o exercício físico que praticava. Nós estamos esperando uma solução há três anos”, afirmou.

Com a estrutura comprometida, o pátio foi interditado há dois meses e os alunos estão sem praticar aulas de Educação Física. “Antes, a gente abria o local nos finais de semana para que a própria comunidade pudesse praticar esportes. O problema é que agora, mesmo com a quadra fechada, os moradores pulam o muro para usá-la. O nosso medo é que tudo caia e alguém acabe morrendo”, completou o diretor.

Segundo Bezerra, a escola já entrou em contato com a Secretária de Educação do Paraná, mas até agora nada foi feito. A empresa que construiu o muro também já foi notificada. “Nós estamos aqui aguardando com respostas”, concluiu.