Redação

Atualização às 8 horas do dia 25.08.16 – Segundo a família, a adolescente voltou para casa após a reportagem e está bem.

A adolescente S.J.S, 16 anos, foi normalmente para a escola, no bairro Sítio Cercado, em Curitiba, na última sexta-feira (19), mas não retornou para casa. Há cinco dias, a mãe percorre casa de amigos, familiares e vizinhos em busca de informações da filha. S.J.S. fugiu de casa, está com outras duas amigas e foi vista embarcando em um ônibus do transporte coletivo na região. A mãe pede que ela volte para casa.

A mãe procurou o Conselho Tutelar no mesmo dia do desaparecimento e foi orientada a registrar um Boletim de Ocorrência. À Banda B, ela contou os últimos passos da filha, vistos por ela. “Sexta-feira a S.J.S. foi normal para a escola porque eu fui até lá e me disseram que ela estava presente. Mas já não voltou para casa e conversando com os amigos dela e com os vizinhos, descobri que ela tinha ido para a casa de uma amiga no Tatuquara. Fui atrás, e me disseram que ela já tinha ido embora”, contou.

Segundo a mãe, a filha está acompanhada de outras duas adolescentes, que são irmãs. “Tive notícia das três, que elas estavam na estação-tubo Érico Veríssimo, no Boqueirão, pegando o ônibus. Daí em diante, não sei de mais nada. Conversei com a mãe das meninas, mas como elas moram com o pai, a mãe nem estava sabendo direito”, disse.

Para ela, a filha fugiu porque estava querendo iniciar um namoro. “Sou muito rígida e ela pode achar que eu vou achar ruim. Ao invés de conversar, preferiu fazer isso”, finalizou.