Da Redação

O ganhador da Mega-Sena, que apostou em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná, não apareceu para resgatar o prêmio de quase R$ 23 milhões de reais dentro do prazo estabelecido de 90 dias, segundo informações da Caixa Econômica Federal (CEF). O apostador tinha até as 16h desta terça-feira (8) para retirar o dinheiro – o sorteio foi realizado no dia 10 de julho.

O valor deve seguir para o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (FIES). De acordo com a CEF, se o apostador tivesse depositado todo o dinheiro na poupança já teria acumulado mais R$206 mil até hoje. Os números sorteados em julho foram 01 – 08 – 17 – 44 – 46 – 53. O dinheiromega-sena-081013-bandab ficou disponível em qualquer agência da Caixa do país durante três meses.

O gerente regional do banco, Edilson Oliveira, afirmou ao Site G1 que não há como saber quem foi o ganhador. Segundo ele, a única forma de saber é pelo bilhete. É possível apenas identificar em qual lotérica foi o jogo, mas não o dono da aposta.

Para evitar esse tipo de situação, existe a possibilidade de colocar o nome, o CPF e assinar o bilhete no ato da aposta. Dessa forma, outra pessoa não recebe o prêmio no lugar do real ganhador.