Por Felipe Ribeiro e Antônio Nascimento

Foto: Antônio Nascimento - Banda B

Foto: Antônio Nascimento – Banda B

Um funcionário da Copel morreu eletrocutado no começo da tarde desta quinta-feira (12) enquanto fazia um trabalho de manutenção na rede elétrica do bairro Santa Felicidade, na região noroeste de Curitiba. De acordo com o cabo Trindade, do Corpo de Bombeiros, Lauro Madalena Leffel, 50 anos, os funcionários estavam trabalhando com a rede ligada a uma voltagem de 13.480 wolts.

“Assim que chegamos ao local verificamos que ele até utilizava a proteção individual, mas devido ao choque no pescoço ele ainda acabou arremessado a uma altura de pelo menos dez metros”, comentou.

Outro funcionário, Nereu Marcelo Romano Paes, de 39 anos, também sofreu ferimentos leves, mas afirmou que sofreu um mal súbito ao ver a queda do amigo. O acidente de trabalho aconteceu na Avenida Manoel Ribas.

A Banda B entrou em contato com a assessoria de Copel que informou que lamenta profundamente o acidente. O profissional foi prontamente socorrido pelo Corpo de Bombeiros, mas não resistiu. Técnicos da área de segurança do trabalho da Companhia estão no local e será instaurado um procedimento administrativo interno para apurar as causas do acidente.

A Companhia se solidariza à família e está prestando toda a assistência necessária. O eletricista fazia uma manutenção de rotina no momento do acidente. Era um profissional reconhecidamente capacitado e com grande experiência na tarefa que executava.

Segunda morte

Loesel foi à segunda vítima fatal de acidente de trabalho nesta quinta-feira. Pela manhã um operário teve uma queda de 5 metros em Piraquara, na região metropolitana. Felino dos Santos, 33 anos, também foi esmagado por uma estrutura metálica, não resistiu aos ferimentos e morreu na hora.

Notícia Relacionada:

Operário cai de altura de 5 metros e morre ao ser atingido por barra de ferro