A secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, abriu nesta terça-feira (19/02) o Encontro de Gestores Municipais da Assistência Social da Região Sul, que acontece em Foz do Iguaçu. O evento reúne mais de 800 profissionais do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul para debater o tema “Desigualdades Regionais e Gestão Municipal”.

Um dos pontos centrais destacados pela secretária foi o empenho do Paraná na consolidação do Sistema Único de Assistência Social (Suas). As ações desenvolvidas passam por capacitação e assessoramento técnico prestado aos municípios pelos 23 escritórios regionais da Secretaria da Família. “Estes dois últimos anos foram fundamentais para a consolidação do Suas em nosso Estado. Somos incansáveis no gerenciamento e na busca de seu aprimoramento”, disse.

Fernanda Richa também destacou a implantação do programa Família Paranaense que até 2014 irá atingir 100 mil famílias em situação de vulnerabilidade social em todo estado. “Ousamos ao apresentar uma nova metodologia para atacar o baixo IDH de vários municípios. Estamos chegando exatamente até aqueles que mais precisam e mostrando para essas famílias qual é o caminho para que conquistem sua independência”, afirmou a secretária.

A Secretaria da Família tem um espaço institucional no evento para que os gestores municipais e prefeitos possam conhecer a metodologia do programa Família Paranaense. A partir deste ano, o programa será expandido para mais 100 cidades. Atualmente, são atendidos 30 municípios prioritários. Com a expansão, o Estado passará a atender 30 mil famílias em situação de extrema vulnerabilidade social.

Para o representante do colegiado no Paraná, José Roberto Zanchi, encontro favorece a troca de conhecimento entre os gestores e a apresentação de experiências de sucesso que podem ser reproduzidas, como a experiência que o Paraná está tendo com o programa Família Paranaense. “Ter contato com as diversas realidades e conhecer programas e iniciativas que possam ser desenvolvidas pelos municípios é fundamental no setor de assistência social”, explicou.

OFICINAS – No encontro, que acaba neta quarta-feira, estão sendo disponibilizadas ao gestores de assistência social diversas oficinas sobre a gestão e operacionalização do Sistema Único de Assistência Sociais (Suas) especificamente para os municípios.

SUAS – O Suas é um sistema público que organiza, de forma descentralizada, os serviços socioassistenciais no Brasil. Com um modelo de gestão participativa, articula os esforços e recursos dos três níveis de governo para a execução e financiamento da Política Nacional de Assistência Social (PNAS), envolvendo diretamente as estruturas e marcos regulatórios nacionais, estaduais e municipais.