Da Redação

Familiares do menino Davi Luccas, que morreu com nove meses na última sexta-feira (16), após esperar por 7h por uma vaga de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em Curitiba, organiza uma manifestação para o próximo sábado, dia 24 de maio, na Praça Santos Andrade. O protesto também acontecerá no Aterro do Lago Igapó, em Londrina, no Norte do Paraná.

daviddentro

David Luccas morreu aos nove meses (Foto: Reprodução Facebook)

O protesto organizado na rede social facebook já tem mais de mil confirmações na manhã desta quarta-feira (21). O nome do evento é “Chega de Descaso com a Saúde – Justiça pelo Davi Luccas”. Um dos organizadores pede que quem for leve cartaz e vá de camisa preta, simbolizando luto.

Na descrição do evento, está escrito:

“Meu primo não recebeu uma vacina pois o Estado não quis custear! Ele não pode ir para uma UTI particular pois foi exigido uma pagamento de R$ 65 mil em um cheque caução. O fato é que apesar da dor, nossa família não deixará que isto seja só mais uma estatística. Estamos organizando um protesto e gostariamos de contar com o apoio de todos vocês”, afirmou.

Notícia Relacionada:

Bebê morre em UPA de Curitiba enquanto aguardava leito em UTI e MPPR vai investigar o caso