Do TCE-PR

O ex-prefeito de Ponta Grossa (Região dos Campos Gerais) Péricles de Holleben Mello (gestão 2001-2004) responde pela devolução de R$ 1.550.411,92, conjuntamente pontagrossacom a Prefeitura, à Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PR) acatou Recurso de Revista (Processo nº 174319/13) do ex-gestor e reformou parcialmente o Acórdão nº 3.980/12, da Primeira Câmara de julgamento de contas, reduzindo a responsabilidade pecuniária de Mello.

A decisão anterior, que entendeu irregular a prestação de contas do convênio que a Prefeitura assinou com a Sesa em 2003, fixava em R$ 3.395.814,53 a quantia a ser ressarcida pelo Município, Mello e seu sucessor, Pedro Wosgrau Filho (gestão 2005-2008). A transferência voluntária previa a reforma e ampliação do Hospital da Criança e do Hospital Municipal, a um custo total de R$ 3.725.994,72.