O contador Luis Roberto Woidela, 31 anos, – também conhecido como Beto Woidela – foi preso na noite de quarta-feira (23) acusado de ser o mandante do atentado a tiros contra a prefeita de Califórnia (a 80km de Maringá), Ana Lúcia Mazeto Gomes (PSDB), ocorrido no último dia 22 de novembro.

Leia a reportagem completa no Portal O Diário, clicando aqui.