Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento

MST DENTRO

MST ocupa Rua Doutor Faivre (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)

O MST (Movimento Sem Terra) montou no início da manhã desta segunda-feira (5) um acampamento em frente a sede do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária). É a segunda vez no ano que isso acontece. Com isso, não é possível acessar a Rua Doutor Faivre, no cruzamento da Av. Sete de Setembro com a Visconde de Guarapuava.

A intenção dos manifestantes é fazer uma semana nacional de lutas, de hoje até sexta-feira. “A pauta é a reforma agrária, porque temos entre 10 a 12 mil famílias acampadas no Paraná, esperando por uma solução”, explicou à Banda B Armelindo Rosa, da coordenação estadual do MST.

Além disso, Rosa afirmou que o grupo quer mostra insatisfação com a saída da presidente Dilma Rousseff (PT). “A pauta política é contra o golpe que aconteceu na semana passada. Nós queremos o fortalecimento da democracia. São mil pessoas que ficarão assentadas aqui”, destacou.

A previsão é que o acampamento seja desmanchado na sexta-feira. Moradores e comerciantes na região não concordam com a manifestação, uma vez que são prejudicados pela dificuldade de acesso aos imóveis.

Segunda vez

É a segunda vez no ano que um acampamento é montado no local. Em junho, os manifestantes ficaram dois dias acomodados.

Notícia Relacionada: