Por Felipe Ribeiro e Antônio Nascimento

Um agente penitenciário foi rendido por cerca de 60 detentos por volta das 16h desta sexta-feira (12) na Penitenciária Central do Estado (PCE), em Piraquara, Região Metropolitana de Curitiba. De acordo com o cabo Silvio, do Batalhão de Polícia de Guarda, os presos estavam armados e iniciaram uma rebelião para fazer diversas reivindicações. O agente foi rendido durante  a entrega das comidas, mas não ficou ferido. A confusão foi controlada por volta das 19h. Nenhum detendo fugiu.

A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Seju) do Paraná informou que os rebelados foram transferidos de Maringá para Piraquara na noite da última quinta-feira (11) e estão reivindicando relaxamento em suas penas. De acordo com a Secretaria da Justiça, Cidadania, e Direitos Humanos (Seju), a penitenciária de Maringá está superlotada.

Várias viaturas da Rone e do Bope foram até o local. “O Bope negocia com os presos, o agente continua sendo mantido como refém, mas a situação está controlada”, garantiu o cabo Silvio, em entrevista à Banda B por volta das 17 horas.

Depois de mais negociações, o agente que estava mantido refém foi liberado. A condição acatada pela Polícia Civil foi a transferência de dez presos de volta para Maringá. Esse deslocamento deve acontecer entre hoje e segunda-feira (15).