Divulgação
Empresário é o maior colecionador do país

O empresário Antonio Borba, de Curitiba (PR), tem em casa um verdadeiro museu do vídeogame Atari, o primeiro vídeo game a fazer sucesso mundial e que marcou época nos anos 80 e até hoje se mantém como um ícone da cultura nerd. Nesta semana, ele foi autenticado como o maior colecionador do país do vídeogame

Em 2004, Borba, fã do Atari, resolveu transformar a distração de infância em hobby de colecionador. Desde então, a coleção não parou de crescer. Atualmente detém o recorde de 72 consoles e 1.673 cartuchos únicos do vídeo game, incluindo verdadeiras relíquias garimpadas na internet.

“É muito interessante contribuir para o resgate de algo que foi muito importante e que faz parte da história do vídeo game no Brasil”, diz.

O colecionador guarda com muito cuidado a coleção, que é mantida em uma sala com controle de temperatura e umidade. O que não o impede de fazer, de tempos em tempos, uma verdadeira viagem ao passado e escolher alguns jogos do Atari para jogar com os amigos.

Surgido nos anos 70, o Atari foi um dos responsáveis pela popularização dos vídeo games. Seu auge foi nos anos 80, quando virou sonho de consumo de milhares de crianças e adolescentes no mundo todo.