A curitibana Agnes Priscila de Souza, de 32 anos, desaparecida desde o dia 1° de janeiro, foi encontrada no úlimo domingo em Guarulhos (São Paulo).

Segundo a Polícia Civil, a muilher estava com moradores de rua que se envolveram em uma confusão e durante a checagem dos nomes foi verificado que Agnes estava entre eles. De acordo com as investigações, Agnes sofre de depressão e teria ido ao estado vizinho por meio de uma carona.

Ela já voltou à Curitiba e passa bem.