Por Caio Porthus

O Coritiba parecia não ter solução. Venceu apenas um jogo no Couto Pereira no Campeonato Brasileiro, contra o atual lanterna Vitória-BA, e não apresentava possibilidades de ressurgir. Celso Roth foi demitido após a derrota por 1 a 0 para o Palmeiras, e Marquinhos Santos foi chamado para tentar salvar o Coxa Doido. Na primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil, o Verdão venceu o Flamengo por 3 a 0, e encheu seu torcedor de esperança com um bom futebol. A missão agora é vencer novamente no Couto Pereira, desta vez pelo Campeonato Brasileiro, domingo (31) às 16h, o Atlético-MG, atual 6º colocado na Série A, e mostrar que a partida contra o Rubro-Negro carioca não foi uma exceção.

Alex retorna para a equipe Coxa-Branca (Foto: Divulgação/Coritiba)

Alex retorna para a equipe Coxa-Branca (Foto: Divulgação/Coritiba)

O último treino do Coritiba para enfrentar o Galo aconteceu na manhã desta sábado (30). O time principal ainda não foi confirmado, mas muitos testes foram realizados ao longo da semana. O zagueiro Leandro Almeida e o volante Baraka estão suspensos, e a grande volta no time alviverde é a do meia Alex, que se recuperou de lesão e treinou normalmente, compondo o time titular nos coletivos. Seis jogadores dos relacionados para a partida vieram da base do clube Alviverde: Maranhão, Douglas, Dudu, Zé Rafael, Luccas Claro e Bonfim.

Pelo Brasileirão, o Atlético-MG tem um histórico favorável contra o Coritiba. Desde 1969 foram 32 confrontos. 18 vitórias do clube mineiro, dez do Coxa e quatro empates. O último empate foi um 2 a 2 em 2003, no Couto Pereira. De lá para cá, 14 jogos e oito vitórias do Galo, contra seis do Coritiba. Porém, desde 2004, nenhum dos dois consegue vencer o confronto fora de casa.

Falta de vitórias seguidas atrapalham o Galo

O Galo venceu duas, empatou duas e perdeu quatro partidas no Brasileirão fora de casa até o momento. Apesar de estar bem colocado, na sexta posição, a falta de sequência tem atrapalhado o clube campeão da Libertadores da América de 2013 a embalar no competição. Na terceira, quarta e quinta rodada, o Atlético-MG venceu três partidas seguidas, mas após isso, não conseguiu mais vencer em sequência e não conseguiu se aproximar dos líderes.

FICHA TÉCNICA

CORITIBA X ATLÉTICO-MG

Local: Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR).
Data: 31 de agosto de 2014.
Horário: 16h.

Coritiba: Vanderlei; Norberto, Luccas Claro, Welinton e Carlinhos; Hélder, Gil, Robinho, Dudu e Alex; Zé Love.
Técnico: Marquinhos Oliveira.

Atlético-MG: Victor; Alex Silva, Leonardo Silva, Jemerson e Pedro Botelho; Josué, Rafael Carioca, Tardelli e Maicosuel; Marion e Jô.
Técnico: Levir Culpi.