As ações para a conservação e melhorias do Reservatório Piraquara II deverão ser retomadas nas próximas semanas, conforme definido em reunião nesta segunda-feira (08/04). O reservatório possui cerca de 21 milhões de metros cúbicos e é uma das quatro barragens responsáveis pelo abastecimento de água de Curitiba e de seis municípios da região metropolitana.

Entre os trabalhos estão a reestruturação do comitê gestor do Reservatório Piraquara II, instituído pelo Governo do Estado no decreto estadual 3.399. O grupo é composto por representante da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento, de Sanepar, do município e da comunidade de Piraquara. Cabe ao comitê, coordenado pela Secretaria, propor o ordenamento das ações de manejo no entorno do reservatório.

O encontro reuniu o secretário da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, e o prefeito de Piraquara, Marcus Maurício de S. Tesserolli. “É importante que implementemos, em conjunto, medidas voltadas para a qualidade da água, a preservação do meio ambiente e o manejo adequado dos solos da região”, disse Ortigara.

AÇÕES – Serão também retomados os trabalhos de identificação de coordenadas e reposição dos marcos topográficos do terreno no entorno da barragem, com os limites entre a área patrimonial da Sanepar e a dos proprietários da região. A adequação das estradas do entorno do reservatório é outra prioridade, assim como conter o assoreamento e contaminação do reservatório em áreas mais críticas, seja pela falta de vegetação adequada, de controle da erosão ou agressão humana.

Também participaram da reunião o secretário de Urbanismo e Meio Ambiente de Piraquara, Ademir Marion; o engenheiro agrônomo Joaquim Severino, secretário executivo do Comitê Gestor; e Irena S. Castilho, suplente eleita pela comunidade de Piraquara, além técnicos da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento.