Da AEN

As obras para aumentar o número de pistas da Rodovia da Uva (PR-417), que liga Curitiba ao município de Colombo, na região metropolitana, começaram nesta semana. O intenso trânsito no trecho de pista simples, cerca de 16 mil veículos por dia, causava transtornos a população, que aguardava pela duplicação há muitos anos.

“Com as rodovias fluindo bem é possível transportar cargas e chegar às indústrias da região com mais facilidade, diminuir o tempo de viagens, dar mais segurança aos pedestres e evitar acidentes”, diz o governador Beto Richa. Até o fim de 2014, serão destinados R$ 420 milhões para a construção de contornos e duplicações na Região Metropolitana de Curitiba.

Na Rodovia da Uva, o Governo do Estado vai duplicar 6,5 quilômetros – desde o acesso ao Contorno Norte (PR-418) na capital, até a entrada de Colombo. O projeto prevê canteiro central, iluminação, semáforos, calçadas com rampas de acesso e ciclovia. O investimento será de R$ 35,8 milhões.

“Será ampliada a capacidade de tráfego com duas faixas de cada lado, o que evitará congestionamentos”, afirmou Mário Antonio Faraco, gerente da Superintendência Leste do Departamento de Estradas de Rodagem, responsável pelo contrato da obra. A empresa Leão Engenharia venceu a licitação por concorrência de menor preço global. O contrato é de dois anos.

A empresa começou a fazer a demarcação topográfica do terreno. “Depois, vamos fazer a limpeza nas áreas que serão cortadas e nas áreas de aterro, iniciando pelo lado esquerdo da rodovia. Do lado direito será montada uma equipe menor para limpar os aterros onde serão construídos os muros de contenção. Em seguida virão os trabalhos de duplicação”, descreveu Thales Héucio Borges, engenheiro responsável pela obra.

REGIÃO METROPOLITANA – A duplicação da Rodovia da Uva é apenas uma dentre as obras do Governo do Paraná para a Grande Curitiba. No próximo dia 19, às 14 horas, na sede do DER-PR, haverá audiência pública com prefeitos e moradores de Pinhais e Piraquara para discutir os detalhes das obras de duplicação da PR-415, que liga os dois municípios. O trabalho começa no próximo ano, assim como a duplicação da Rodovia dos Minérios (PR-092).

Empresas executam os contornos rodoviários em Campo Largo (BR-277) e Agudos do Sul (entre a PR-281 e PR-419). Também está programada pavimentação da PR-092, entre Cerro Azul e Doutor Ulysses, trecho onde a estrada ainda é de terra, isolando o município de Doutor Ulysses da malha rodoviária pavimentada do Estado.