Da AEN

Até domingo (25), um caminhão especial vai percorrer a Rodovia dos Minérios, PR 092, entre Curitiba e Rio Branco do Sul, na Região Metropolitana. O veículo com uma carreta com equipamento eletrônico, que faz o “raio-x do pavimento”, vai circular ao longo dos mais de 28 quilômetros de rodovia, que será duplicada em parceria entre Governo do Paraná e o Grupo Votorantim.

rodovia-dos-minerios-230813

Foto: AEN

O equipamento – conhecido como FWD Dynatest – é uma carreta com diversos pesos, que são jogados ao solo para sensores especiais lerem este impacto, podendo assim analisar a estrutura do pavimento e sua base. Conforme a trepidação e desnivelamento da pista, provocada por este impacto, os sensores vão indicar o tipo de obra necessária. Este tipo de estudo reduz custo e agiliza o processo da obra.

A previsão de investimento é de R$ 181 milhões na duplicação de 28,7 quilômetros da PR 092. Pelo acordo, os recursos que a empresa irá investir serão descontados do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias, Bens e Serviço (ICMS) que a indústria teria que recolher ao Estado. É a chamada operação de crédito outorgado.

O raio-x do solo faz parte do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (Evtea) e também da elaboração do projeto executivo, que permitirá o início da duplicação até maio de 2014.

Etapas

Na primeira etapa, a Votorantim será responsável pela elaboração do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (Evtea) e o projeto executivo da obra. Todo processo está sendo acompanhado por fiscais do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR).

A obra de duplicação vai começar no fim da Avenida Mateus Leme, em Curitiba, e seguirá até a Estrada dos Romeiros, em Itaperuçu. Serão duplicados três quilômetros da rodovia dentro da capital e 19,7 quilômetros do traçado que passa por Almirante Tamandaré e Itaperuçu.

Além disso, a duplicação abrange 4,2 quilômetros da Estrada dos Romeiros, e mais 1,5 quilômetro de um trecho de contorno, em Itaperuçu, além do acesso ao pátio da Votorantim. A obra chegará à entrada de Rio Branco do Sul, até o cruzamento ferroviário.