Redação com Catve

cobra

Segundo especialistas, cobras de duas cabeças tendem a não sobreviver. Foto: Catve

Uma cobra nasceu com duas cabeças no zoológico de Cascavel, oeste do Paraná, neste fim de semana. O fenômeno é raro, inusitado e chamou muito a atenção dos profissionais. Ela é uma cascavel, nome genérico dado às cobras peçonhentas dos géneros Crotalus e Sistrurus. As cascavéis possuem um chocalho característico na cauda, e estão presentes em todo o continente americano.

cobra-mae

Cobra-mãe deu à luz, no total, a 13 cobras. Foto: Catve

A serpente, que deu à luz cobra com duas cabeças, teve no total 13 filhotes vivos – três morreram e um deles nasceu com o defeito congênito (duas cabeças).

O veterinário Ilair Dettoni, responsável pelos animais do zoo, afirmou que ainda não sabe se a serpente vai sobreviver. Exames serão realizados para saber as condições de saúde da espécie. Uma tomografia computadorizada deve apontar se há órgãos em comum. Na natureza a maioria das cobras de duas cabeças vive apenas por alguns meses.

*Para assistir a reportagem ou ler mais notícias sobre o oeste do Estado clique aqui.