Por Denise Mello e Antonio Nascimento

Casa ficou destruída em Colombo – Foto: Banda B

Um casal de idosos morreu carbonizado durante um incêndio em uma casa durante a madrugada desta segunda-feira (19) no bairro Guaraituba, em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba. Tudo indica, segundo parentes e vizinhos, Alice Ribeiro Rain, de 76 anos, tenha colocado fogo na casa de forma proposital provocando a morte dela e do marido,  Adão Rain Filho, de 86, que tinha as duas pernas amputadas e vivia entre a cama e uma cadeira de rodas. Um inquérito deve ser aberto pela polícia para investigar as causas do incêndio.

O fogo começou por volta das 3 horas desta segunda-feira (18) na casa de madeira, localizada na Rua Campo do Tenente. Rapidamente, o incêndio se espalhou pela casa e atingiu outras três residências vizinhas. Os moradores das casas ao lado conseguiram sair a tempo, mas o casal morreu carbonizado.

A moradora Jenifer Keli,  vizinha do casal, contou como percebeu o fogo. “Estava dormindo com meu filho de 4 anos quando vi um clarão na janela e vi o fogo. Saí correndo, gritando e alertei todo mundo. Minha casa ficou destruída, perdi móveis também, mas felizmente eu e meu filho nos salvamos”, afirmou a vizinha.

Segunda vez

Tanto vizinhos como um genro do casal confirmaram que a idosa já tinha tentado colocar fogo na casa há cerca de um mês, mas amigos conseguiram apagar o fogo a tempo. “Como que deixaram eles sozinhos? Os parentes foram avisados que ela tinha tentado por fogo na casa e deixaram eles ali?”, questionou uma vizinha, sem se identificar.

O genro do casal, Pedro Amaral de Brito, foi até o local do incêndio e confirmou que a sogra tinha tentado colocar fogo na casa, mas ninguém imaginava que ela poderia fazer isso de novo. “Minha sogra quis por fogo na casa, mas a gente não imaginava que ela fosse causar essa tragédia. Minha esposa cuidava deles e vinha todos os dias aqui. Meu genro não tinha as duas pernas e estava bem doente, mas ela estava bem. Não sabemos como ela pode fazer isso”, afirmou.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados. Segundo a PM, tudo indica que não houve chance do casal escapar. “Quando chegamos, a casa estava destruída e o casal carbonizado. Os dois corpos estavam num dos quartos. O homem não tinha as duas pernas e os dois não tiveram como escapar. Agora, a delegacia do Alto Maracanã deve investigar o caso e a perícia vai apontar as causas do fogo”, informou o cabo Ranunfo, da PM.

Outras três casas de alvenaria também foram danificadas pelo fogo, mas ninguém ficou ferido. Os corpos foram recolhidos pelo Instituto Médico legal.

Assista ao vídeo com imagens do incêndio – (Colaboração Banda B)