A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo confirmou na tarde desta quinta-feira (4) a morte por overdose de cocaína do ex-vocalista do Charlie Brown Jr, Chorão. O cantor foi encontrado morto no dia 6 de março, em seu apartamento, na Zona Oeste da capital paulista.

A causa da morte de Alexandre Magno Abrão, segundo o exame toxicológico número 5054/2013 do Instituto Médico-Legal (IML), foram as 4,714 microgramas da droga por mililitro de sangue. Segundo os peritos, foi possível concluir, a partir dos testes, que a causa da morte foi “intoxicação exógena devido à cocainemia”.