Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

(Fotos: Marcel Mercúrio/Banda B)

Um caminhoneiro com um sobrenome predestinado saiu ileso de um acidente grave na manhã desta segunda-feira (8) no Contorno Leste, na BR-116, na altura do bairro Umbará, em Curitiba. Aparecido Felizardo, 47 anos, não teve ferimento nenhum, embora a carreta que ele dirigia tenha ficado completamente destruída. Felizardo recusou atendimento médico.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o caminhoneiro se perdeu na pista, sentido Contorno Sul, por volta das 7horas, próximo ao Centro de Treinamento (CT) do Caju. Ele bateu contra uma das câmeras da concessionária e, logo após, em placas de sinalização. A carreta ficou destruída, mas Felizardo teve sorte e escapou sem ferimentos.

O caminhão estava carregado com bobinas de alumínio, o que pode ter ajudado no acidente por causa do peso. O Contorno Leste não chegou a ser totalmente bloqueado, mas o trânsito ficou intenso no local. A carreta já foi rebocada.

Morte

A Polícia Rodoviária Federal  (PRF) confirmou que às 11 horas um motorista se envolveu em um acidente e morreu na hora. O acidente aconteceu no quilômetro 111, na pista sentido Curitiba. Luiz Cesar Gonçalves Blasi, 62 anos, se envolveu em um acidente com uma carreta, rodou na pista e ainda colidiu contra uma árvore. O filho dele está em estado grave e sem identificação oficial. Ele foi socorrido ao Hospital Cajuru.

Poucos minutos antes, a PFR atendeu outro acidente, no quilômetro 97, entre dois veículos em uma colisão traseira. Um motorista ficou ferido e encaminhado ao hospital.
Km 111 pista sentido SP 11 horas