Da Redação com AEN-PR

Após forte pressão e manifestações em diversas escolas de Curitiba e região metropolitana, o governador Beto Richa determinou, nesta sexta-feira (30) a suspensão de qualquer medida que esteja em curso na Secretaria da Educação e que implique no fechamento de escolas ou colégios estaduais. A decisão foi tomada em reunião entre o governador e a secretária Ana Seres, da Educação. Com isso, estão cancelados os estudos de reestruturação que incluíam principalmente imóveis alugados.

“Chegou-se a um bom termo e a variável locação está suspensa, ou seja, as nossas escolas que funcionam em prédios alugados e seriam remanejadas por esse motivo continuam onde estão”, esclareceu a secretária da Educação.

O governador também determinou que sejam retomados os critérios utilizados nos últimos anos para o planejamento e ensalamento de estudantes que vierem a ser matriculados para o ano letivo de 2016.

Durante os últimos dias, alunos e estudados realizaram várias manifestações contra o fechamento de escolas. Relembre nas notícias relacionadas:

Comunicado de fechamento ‘gradual’ de escola estadual mobiliza pais e alunos em Curitiba

Contra fechamento, professores e alunos fazem ‘abraço coletivo’ em escola de Curitiba

Contra fechamento de escola, pais e alunos fecham avenida no Tarumã: “É um absurdo”

Com fechamento de apenas metade das escolas previstas, Governo já vai economizar cerca de R$ 15 milhões ao ano