Da Redação

Após a mobilização dos internautas curitibanos, que pedem a vinda da exposição do “Castelo Rá-tim-bum” para a capital paranaense, a Prefeitura de Curitiba entrou em contato com o Museu da Imagem e do Som de São Paulo (MIS) para verificar a viabilidade. Em post publicado na tarde desta quarta-feira (3), a prefeitura disse que não pode arcar com os altos custos, mas incentiva empresários e produtores locais a “olharem com carinho para a causa”.

castelo-ra-tim-bum

Foto: Divulgação

“A Prefeitura entrou em contato com o Museu da Imagem e do Som de São Paulo a respeito da exposição do Castelo Ra-Tim-Bum. Infelizmente não podemos arcar com os custos, mas convidamos os empresários e produtores locais a olharem com carinho para a causa”, diz o post.

A exposição MIS é sucesso de público na capital paulista e tem recebido milhares de visitantes diariamente. Curitibanos criaram um abaixo-assinado online para tentar motivar a vinda dos cenários da série dos anos 1990.

De acordo com a descrição da petição do site Avaaz.org, todos dizem que a exposição é sensacional e Curitiba merece opções culturais desse nível. “O Brasil é um país de proporções continentais, não podemos restringir o acesso de uma atração como essa apenas a cidade de São Paulo”, diz o abaixo-assinado. Até a tarde desta quarta, já eram quase cinco mil assinaturas.

A exposição

Concebida pela equipe do Museu da Imagem e do Som com apoio da TV Cultura/Fundação Padre Anchieta, a mostra é um tributo ao programa que é considerado um dos melhores produtos audiovisuais da história da televisão brasileira.

A exposição ocupa o primeiro e o segundo andares do museu e é dividida em duas partes. Em uma delas, os visitantes conferem peças do acervo, muitas delas recuperadas. Depoimentos gravados pelos atores do elenco original especialmente para a exposição complementam esta parte.

Os internautas apontam o Museu Oscar Niemayer como o destino da exposição na capital paranaense.