Do Portal Extra

(Foto: Reprodução)

Um americano foi preso acusado de matar a mulher que pediu para ser executada pois sofria de demência. O crime aconteceu na última segunda-feira, na Flórida, nos Estados Unidos. Stephen Kruspe, de 62 anos, passou quatro décadas casado com a vítima, Pamela, de 61, que foi morta com um tiro no peito.

“Eu quero que você me mate”, teria pedido a mulher, segundo Kruspe relatou à polícia, após se entregar. Há pelo menos 10 anos, Pamela sofria de demência e outros problemas mentais e, de acordo com Kruspe, ela estava sofrendo e queria morrer. Por isso, pediu a ajuda do marido para realizar seu desejo.

O caso impressionou moradores da região. “Eles eram loucos um pelo outro. Ele faria qualquer coisa por ela”, disse Jaclyn Tittsworth, vizinha do casal.

Para ler a matéria completa no Extra clique aqui.