Da Polícia Civil

Investigadores da 9.ª Subdivisão Policial (SDP) de Maringá prenderam, na tarde da última terça-feira (13), o advogado Rossélio Marcus Spíndola de Oliveira, de 51 anos, mais conhecido como o “Barão do Estelionato“. Oliveira é suspeito de comandar uma quadrilha especializada em golpes contra bancos e concessionárias de veículos de Santa Catarina entre os anos de 2003 a 2008. A prisão preventiva de Oliveira foi decretada pela Justiça de Navegantes de Santa Catarina.

barao-do-estelionato-160514-bandab

(Foto: Divulgação/ Polícia Civil)

De acordo com investigações, Oliveira e a quadrilha teriam fraudado o financiamento de aproximadamente 800 veículos. O esquema contava com a participação de “laranjas” ou de supostos clientes que emprestavam documentos para a aquisição de carros financiados, com promessas que seriam pagos com títulos da dívida publica.

Ao ser preso, Oliveira portava vários títulos de dívida pública dos Estados Unidos, China, Turquia, Rússia e da Petrobras. Embora assegurasse a originalidade dos documentos, o advogado não soube precisar o valor dos papéis, os quais, segundo ele, seriam negociados com empresários e bancos da cidade.

Oliveira responderá por estelionato. Ele está preso e permanece à disposição da Justiça.