Por Luiz Henrique de Oliveira

Uma mãe moradora no bairro Sítio Cercado, em Curitiba, tem vivido dias de angústia desde que Kimbery Flor, de 16 anos, deixou a casa da família. Malu Cristo Naves contou à Banda B, neste sábado (6), que há dez dias a filha saiu pela manhã e não volto mais, deixando uma carta na qual pedia para que ninguém fosse atrás e a deixassem livre.

desaparecidadentro

Kimberly desapareceu há dez dias (Foto: Arquivo Pessoal)

“A Kimberly saiu pela manhã como se fosse para o curso que faz, só que não voltou e no quarto dela encontramos a carta. Eu não sei onde ela pode estar. O namorado dela mora aqui perto e também está preocupado, me garantiu que não sabe nada”, descreveu a mãe.

De acordo com Malu, a filha estava de castigo no dia em que sumiu, porque se envolvera com amigos que a família não aceitava. “Ela vivia na XV de Novembro, no Centro, só queria saber de ficar na rua e faltava a escola e o curso. Tivemos que tirar o celular dela alguns dias antes de sumir”, contou a mãe.

O Boletim de Ocorrência do desaparecimento já foi feito junto à Delegacia de Vigilâncias e Capturas (DVC).

Informações sobre Kimberly pode ser dadas, anonimamente, no 190 da Polícia Militar e também no telefone da DVC: 3219-9700. A garota saiu de casa com calça preta, moletom branco e coturno.