Por Luiz Henrique de Oliveira e Elizangela Jubanski

biarticuladodentro

Amanda foi atropelada por biarticulado na segunda-feira (Foto: Danaê Bubalo – Banda B)

A adolescente de 15 anos, Amanda Rivelo, morreu no Hospital Evangélico nesta quarta-feira (13). Ela ficou gravemente ferida ao ser atropelada por um biarticulado na Av. Sete de Setembro, em Curitiba, na noite da última segunda-feira (11), no bairro Água Verde, e não resistiu aos ferimentos, segundo a assessoria do hospital.

A garota estava com o irmão quando foi atingida por um ônibus da linha Capão Raso/Santa Cândida. O atropelamento aconteceu por volta das 19h30 no cruzamento da avenida Sete de Setembro com a rua Ângelo Sampaio. Segundo testemunhas, a garota estava do outro lado da avenida quando, ao atravessar, foi atingida pelo biarticulado, que trafegava sentido centro.

O corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal na tarde de ontem.

Via Calma

Atualmente Via Calma, onde a velocidade máxima para carros é de 30 km/h, a Av. Sete de Setembro lidera o número de atropelamentos em 2014, segundo dados do Batalhão de Polícia de Trânsito da Polícia Militar. Pórém, é importante ressaltar, que muitos dos casos envolvem biarticulados, na canaleta, onde a Via Calma não está presente.

Em segundo no ranking está a Av. Marechal Floriano Peixoto, onde também circulas os ônibus vermelhões.