Claro que a derrota teria sido terrivel e um empate na casa do adversário nunca pode ser descartado, mas que o ATLÉTICO não fez um bom jogo isso ficou claro. O time não jogou 30% do quevinha jogando na reação que já chegou a sete jogos de invencibilidade. Ontem vi um time sem toque de bola, marcando mal e criando muito pouco.

Até os bons jogadores Marcinho e Deivid estiveram a baixo da média. Destaques individuais apenas Renan e os zagueiros Fabricio e Manoel. Renato mais uma vez insistiu na história do Fransérgio, parece brincadeira.

O Heber não influenciou no resultado, mas não deixou de aprontar. A expulsão do Renato foi tendenciosa. Renato tem por hábito ser bastante falante, é sempre assim e dificilmente é expulso, coincidentemente foi expulso no Atletiba e pelo Heber que adora aparecer. E a cusparada covarde do Bil no zagueiro Fabricio, se fosse um jogador atleticano com certeza seria expulso. Mas não adianta falar mais nada, a nojeira está aí e só não ver quem não quer.

Meio de semana é galo no caldeirão, vamos pra cima, pra vencer e pra vencer.

SAUDAÇÕES RUBRO-NEGRAS!