Nesse domingo o FURACÃO comemorou 93 anos de tradição. Uma história rica e que continua sendo escrita a cada dia. O ATLÉTICO impressiona pelo passado, pelo presente e ainda mais pelo futuro que todos aguardam.

O clube está liderando seu grupo na Libertadores, a torcida apesar de incrédula as vezes, está confiante que o time pode ir longe na competição continental.

Mas no estadual o clube está correndo riscos. Em sétimo lugar se não vencer o Paraná na próxima quarta-feira pode ficar fora dos oito que brigarão pelo título. Isso seria horrível pra imagem do clube mesmo todos do mundo da bola sabendo que até aqui a prioridade era outra. Mas a grandeza do clube e a força de estrutura e de sua torcida não admitem um vexame desse tamanho seja qual for a prioridade. O ATLÉTICO tem a obrigação de brigar pelo título local mesmo jogando a Libertadores.

Então, o clube assumiu o risco mantendo a risca o planejamento de dar força pra piazada no estadual, e eu aplaudo essa politica, mas agora é hora de assumir a responsabilidade de maior clube paranaense.

Os cascudos tem que bater no peito e assumir a responsa na quarta-feira. Se impor e vencer o jogo. Como tem feito nos momentos decisivos na Libertadores até aqui.

Claro que não será fácil, o adversário vive um momento iluminado e está confiante, mas são as dificuldades que fazem o ATLÉTICO crescer!

É hora dos grandes! É hora dos fortes! É hora de colocar as coisas nos seus devidos lugares!

BINHO ASSUNÇÃO!