O coração RUBRO-NEGRO ainda pulsa. Vamos estar na briga até o final, e aí vamos conseguir nosso objetivo.

No domingo o time fez um bom primeiro tempo, o goleiro dos caras se destacoue parecia que a sorte não estava do nosso lado quando acertamos o travessão. Mas a magistral bola parada do Paulo Baier decidiu o jogo. Fantástica cobrança.

Mas mais uma vez recuamos muito no segundo tempo, quase demos chance pro azar e não foi por responsabilidade do Lopes, que no segundo tempo mesmo vencendo tirou um volante pra colocar o Marcinho. Foi coisa dos jogadores de novo, que sem confiança recuam em demasia pra segurar o resultado, em vários outros jogos isso foi fatal.

Numa rodada onde vários times lá de baixo venceram, fizemos nossa obrigação, agora é ir buscar uma vitória fora de casa, e porque não contra o Santos no Pacaembu? Algo me diz que ganharemos a terceira fora de casa nesse campeonato. Sábado estarei lá em São Paulo.

SAUDAÇÕES RUBRO-NEGRAS!