Carrasco já foi uma aposta. Aí sempre entendi porque estávamos no campeonato estadual, aí apostar ou testar era aceitável porque era a hora pra isso. Carrasco até começou bem , ganhou o primeiro turno e depois mudou sua própria filosofia e aí se perdeu. Começou a ser influenciado por terceiros que não entendem nada de bola, como o presidente por exemplo, e o filme do uruguaio foi queimando com a falta de um padrão de jogo, que por ironia do destino ele mesmo havia dado ao time no inicio da temporada.

Mas a aposta de agora discordo desde já. É claro que Ricardo é uma aposta, além de ser um nome de fácil manipulação pra nosso presidente. Não era hora pra apostas, precisamos subir e a melhor estratégia seria diminuir no máximo o risco de erro. Apostar é sempre arriscado.

Ricardo tem um perfil de trabalhador, inteligente, estudioso e com um grande futuro, fez sim um grande trabalho na cordenação de nossas categorias de base, pode dar certo. Vamos torcer que o time passe a ter um padrão e que nossos jogadores voltem a jogar com alma.

Vamos apoiar pra que o novo técnico cale nossa boca e mostre que eu e os outros quase 85% dos atleticanos que desaprovaram sua contratação comemorem um ATLÉTICO vencedor, vbrante e competitivo.

A torcida terá que estar como sempre ao lado do time e começa já por sábado, vencer o Goiás virou obrigação, sábado é como se fosse uma decisão, e o caminho de todos os atleticanos deve ser Paranaguá.

SAUDAÇÕES RUBRO-NEGRAS!