Taça Dionísio Filho terá rodada decisiva no meio de semana. (Divulgação)

A última rodada da fase de classificação da Taça Dionísio Filho na próxima quarta-feira (14) definirá os confrontos das semifinais. Das quatro vagas, apenas o Atlético está garantido. Outros oito times ainda podem garantir a classificação e os eliminados buscam a vitória para escapar da zona de rebaixamento.

Confira o que vale cada partida:

Toledo x Coritiba – 21h45 – Estádio 14 de dezembro

O Coritiba não depende apenas de si para se classificar. Além da vitória, o Coxa precisa contar com tropeços de Foz do Iguaçu ou Cianorte para chegar à semifinal. Caso empate, precisa da derrota do Cianorte e tropeço do FC Cascavel. A derrota elimina o time da Taça Dionísio Filho.

A equipe do Toledo precisa da vitória e tropeço do Londrina que visita o FC Cascavel. Em caso de empate, precisa da derrota do Londrina e ainda tirar o saldo de gols, mais tropeços de Rio Branco e União.

Atlético x Foz do Iguaçu – 21h45 – Arena da Baixada

Já classificado para a semifinal, o Atlético enfrenta o Foz do Iguaçu, na Arena da Baixada, para terminar como primeiro lugar na classificação geral. Caso tenha sucesso em seu objetivo, o Furacão terá a vantagem de jogar em casa na semifinal – contra Londrina, Toledo, Rio Branco ou União – e até em uma possível decisão.

Do outro lado, o Foz do Iguaçu depende apenas de suas próprias forças para terminar na liderança do Grupo A e decidir a vaga na decisão dentro de casa. Empate também garante a classificação, mas precisa torcer contra o Cianorte para terminar em primeiro. Se perder, terá que torcer contra Cianorte e Coritiba para seguir na competição.

Rio Branco x Paraná – 21h45 – Estádio Germano Kruger

O Rio Branco tem situação complicada e precisa de vários resultados para se classificar. Além da vitória, longe de sua torcida já que vai mandar a partida em Ponta Grossa, precisa de tropeços do Londrina e Toledo. Os três pontos serão importantes também para escapar da zona de rebaixamento.

Lanterna do Grupo A, o Paraná já está eliminado da Taça Dionísio Filho, mas encara a partida como decisiva. Isso porque está na zona de rebaixamento e precisa da vitória para sair das últimas colocações.

FC Cascavel x Londrina – 21h45 – Estádio Olímpico Regional

Após a derrota na última rodada para o Atlético, o FC Cascavel não depende mais de seu próprio resultado para se classificar. Além da vitória, precisa de tropeços de Cianorte e Coritiba. Qualquer outro resultado elimina a equipe da primeira fase do estadual.

O Londrina desperdiçou a chance de garantir a classificação antecipada na última rodada ao perder por 3 a 0 para o Coritiba. Porém, ainda depende apenas da vitória para enfrentar o Atlético. Se empatar, precisa de tropeço do Toledo e derrota do Rio Branco. Caso perca, precisa de derrotas dos dois concorrentes e também do União.

Prudentópolis x Cianorte – 21h45 – Estádio Newton Agibert

Dono da pior campanha do estadual, o Prudentópolis é o único time eliminado do Grupo B. Porém, a equipe precisa da vitória para sair da situação incômoda. Já o Cianorte depende apenas de seu resultado para se classificar e pode terminar em primeiro em caso de tropeço do Foz do Iguaçu. Se não ganhar, torce contra Coritiba e FC Cascavel.

Maringá x União – 21h45 – Estádio Willie Davids

O Maringá vive a mesma situação de Paraná e Prundetópolis. Eliminado com antecedência, joga para se afastar da zona de rebaixamento. Já o União precisa da vitória, derrotas de Londrina e Toledo e tropeço do Rio Branco para ter chances de classificação.