Atlético e Coritiba voltam a se enfrentar na Arena da Baixada neste domingo (Estadão Conteúdo)

A partida deste domingo (08) entre Atlético e Coritiba será a quarta decisão de título estadual entre as duas equipes na nova Arena da Baixada. Após a reinauguração do estádio rubro-negro, em 1999, times já decidiram o Campeonato Paranaense em quatro ocasiões: 2004, 2005 e 2008. Com vantagem de duas conquistas contra uma do Furacão, o Coxa também conquistou o título na casa do rival em 2011, quando a fase final da competição foi por pontos corridos.

2004 – Com emoção e polêmica, Coritiba conquista o título

A primeira finalíssima de estadual entre os dois clubes após a reforma na Baixada foi um dos embates mais emblemáticos da dupla Atletiba. Depois de ter vencido o jogo de ida, no Couto Pereira, por 2 a 1, o Verdão visitou o Rubro-Negro precisando apenas de um empate para levantar o caneco. Em um clássico nervoso, tudo parecia caminhar para uma conquista tranquila para o visitantes quando Jucemar abriu o placar com um belo gol. O Atlético empatou e virou o duelo, com gols de Rogério Corrêa e Jadson. Ainda na etapa inicial, Tuta empatou o compromisso e Igor tratou de colocar os mandantes na frente novamente.

No segundo tempo, aos 31 minutos, Tuta apareceu novamente e marcou o gol do título coxa-branca. Depois de balançar as redes, o jogador fez sinal de silêncio para a torcida atleticana, um gesto que eternizou na memória da torcida alviverde.

2005 – Em nova batalha emocionante, Atlético dá o troco e vence nos pênaltis

A edição que iniciou conturbada, terminou com redenção para a torcida rubro-negra. Com foco na Libertadores, o clube atuou com time reserva no começo do estadual e chegou novamente à decisão para encarar o maior rival. Assim como no ano anterior, o Coritiba saiu na frente no primeiro jogo, no Estádio do Pinheirão, com vitória por 1 a 0.

Jogando diante da sua torcida, o Furacão devolveu o placar da partida de ida e derrotou o arquirrival com gol do atacante Denis Marques. Com o empate no agregado, a decisão na Baixada foi para os pênaltis. Alan Bahia, Fabrício, Maciel e Lima (ex-Coritiba) converteram para o Atlético, enquanto Rafinha e Negreiros marcaram para o Coxa. Mas os erros de Capixaba e Reginaldo Nascimento do lado alviverde decretaram o título do Rubro-Negro, que deu o troco após a perda do estadual no ano anterior.

2008 – Coritiba perde o jogo, mas conquista o título na Arena da Baixada

Três anos depois do último encontro em decisões, a dupla Atletiba voltou a se enfrentar na final do Campeonato Paranaense de 2008. No jogo de ida, no Couto Pereira, o Coritiba fez bonito diante do seu torcedor e derrotou o Atlético, por 2 a 0, podendo perder por um gol de diferença na partida de volta para confirmar o título.

Mas nem tudo foi tranquilo para o Verdão no duelo de volta. Com gols de Netinho e Marcelo Ramos, o Furacão ameaçou a vantagem do arquirrival e deu indícios que levaria a decisão para a prorrogação. Mas o Coxa levou a melhor jogando na casa do adversário. Já no segundo tempo, Henrique Dias descontou o placar e garantiu a ida do título do Campeonato Paranaense para o Alto da Glória.