Treinador faz mistério na escalação e vê duelo como importante para maior confiança ao time (Felipe Dalke/Banda B)

A primeira vitória na temporada, no último fim de semana, trouxe novos ares do Paraná, apesar de não ter mais chances de classificação às semifinais da Taça Dionísio Filho. Mesmo com o time só cumprindo tabela na última rodada do primeiro turno, nesta quarta-feira (14), diante do Rio Branco, o técnico Wagner Lopes projeta força máxima e quer a equipe buscando mais um triunfo pela reafirmação e aumentar a confiança para o duelo decisivo da próxima semana, pela segunda fase da Copa do Brasil.

“Depois desse jogo, nós teremos sete dias de preparação para o duelo contra o Sampaio Corrêa, que é muito importante para nós. Mas eu vejo essa partida contra o Rio Branco como de muita importância, para reafirmar o que nós fizemos no último jogo. Então, eu acho que temos que respeitar o adversário e fazer o nosso melhor sempre para buscar a vitória”, comentou o treinador em entrevista coletiva.

Com o time já eliminado do primeiro turno, Wagner Lopes evitou lamentações e espera que os erros cometidos nas primeiras rodadas sirvam de lição para uma campanha diferença na Taça Caio Júnior e vê o tempo de preparo e recuperação para o jogo contra o Sampaio Corrêa como o ponto positivo da situação. “Eu acho que precisamos aprender com os erros. Olhar para trás, mas tirar lições. É claro que nós queríamos estar nas finais, mas não temos como mudar isso. Vamos ter maior tempo de preparação não só pela logística difícil, mas também para o duelo da Copa do Brasil, sem tanto desgaste”, disse.

Sem revelar se irá manter ou não a base que derrotou o Prudentópolis na última rodada, o treinador mantém mistério na formação que mandará a campo diante do Leão da Estradinha. “Eu tenho algumas situações para analisar. Não tenho por hábito antecipar a escalação, pois temos dificuldades para ter informações do adversário e procuramos resguardar o máximo possível para ter a nossa estratégia de jogo bem protegida”, afirmou. “Temos muita coisa em jogo internamente falando. Ter uma atuação boa significa que o teu rendimento está melhorando e é muito importante para nós fazer uma boa partida, não só para adquirir moral, como a confiança do nosso torcedor”, concluiu.

O Tricolor encara o Rio Branco nesta quarta-feira (14), às 21h45, no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa, válido pela sexta rodada da Taça Dionísio Filho.

Confira a entrevista coletiva do técnico Wagner Lopes: 

Wagner Lopes fala no CT

Posted by Esporte Banda B on Tuesday, February 13, 2018