Por Guilherme Coimbra com informações de Monique Vilela

Wagner Lopes analisou a classificação  paranista em Sorocaba (Monique Vilela/Banda B)

O Paraná empatou com o São Bento nos minutos finais, na noite desta quarta-feira (8), em Sorocaba, e assegurou a vaga na segunda fase da Copa do Brasil. Após a classificação, o técnico Wagner Lopes comentou a força do trabalho no comando da equipe e analisou a atuação da equipe no duelo no interior paulista.

“Foi sofrida. Conseguimos o gol no finalzinho, mas o volume de jogo que nós tivemos no segundo tempo foi muito superior. Criamos várias oportunidades e as chances que o São Bento teve foram praticamente no primeiro tempo. Soubemos sofrer da maneira certa e o time se acalmou mais, conseguiu triangular, fazer as jogadas e as coisas foram acontecendo. No finalzinho, fomos coroados com o gol da classificação”, afirmou o treinador.

O treinador frisou a importância da triangulação e dos treinamentos para a construção da jogada do gol paranista. “Hoje fomos coroados com o gol, porque insistimos da maneira correta de não querer entrar pelo meio e sim pelas beiradas. Então, a inteligência nas tomadas de decisões foi boa. Consequentemente conseguimos construir a jogada pela lateral e o Renatinho foi feliz na conclusão”, comentou.

Promovendo rodízio nos jogos, Wagner Lopes prezou pela forma de trabalho com tratamento igualitário entre os jogadores do grupo. “Uma das coisas que nós trabalhamos muito é que todos são importantes. Todos são tratados da maneira mais digna possível e o profissionalismo é exigido do grupo. A nossa disputa interna é leal e vamos colocar para jogar quem está melhor”, destacou.

O técnico agradeceu o elenco e a comissão técnica pela classificação em Sorocaba. “Eu agradeço muito, porque compraram a ideia e a executam da melhor maneira possível. Eles sempre estão se doando ao máximo, então só tenho que agradecer aos nossos jogadores e nossa comissão que é muito proativa. Eu disse na chegada que sozinho eu não consigo nada, e sim com a ajuda de todos. Tenho sido muito ajudado e as coisas estão sendo facilitadas por essa união e principalmente por esse comprometimento com a instituição”, declarou.

O Paraná volta a campo no domingo (12), às 17h, para encarar o JMalucelli, na Vila Capanema, pelo Campeonato Paranaense. Na Copa do Brasil, o Tricolor aguarda o vencedor de Sergipe e Bahia na segunda fase da competição.

Confira a entrevista coletiva do técnico Wagner Lopes: