Ouça o áudio

Era um jogo de vida ou morte para o Paraná. Uma vitória permitia que o Tricolor ainda sonhasse com o acesso. Mas a equipe paranista decepcionou, e na Vila Capanema, apenas empatou em 2 a 2 com o São Caetano, na tarde deste sábado. Depois de estar duas vezes à frente no placar, o Paraná permitiu que o adversário empatasse e fica na 10ª colocação, a seis pontos do G4 e cinco da zona de rebaixamento.

Golaço de Hernane abre o placar na Vila Capanema

O jogo mal tinha começado e o Tricolor já abriu o placar. Aos 5 minutos, Marquinho cruzou da direita, Marinho ajeitou de cabeça para o meio da área, e Hernane bateu de primeira para o fundo das redes: 1 a 0 Paraná. A equipe paranista era melhor em campo, jogava com velocidade e atacava com perigo. Aos 15 minutos, Marinho e Hernane fizeram grande jogada, mas Douglas Packer acabou finalizando pela linha de fundo.

O Azulão só assustou aos 22 minutos, quando Artur acertou a trave de Thiago Rodrigues. O tempo passava e o Paraná seguia melhor no jogo, pressionando o adversário em busca do segundo gol. Aos 32, um bom ataque do São Caetano: Preto Costa acertou o travessão paranista.Após os 30 minutos, o Tricolor deu uma relaxada em campo e apenas adminstrou a vitória parcial por 1 a 0 até o fim do primeiro tempo.

Tricolor cai de produção e permite o empate do Azulão

Logo aos 8 minutos da etapa final, o Azulão empatou o placar. Augusto Recife soltou uma bomba e a bola foi morrer no canto superior esquerdo de Thiago Rodrigues: 1 a 1. Mal deu tempo da torcida tricolor lamentar o gol do adversário, porque aos 10 minutos, Hernane lançou Marinho, que invadiu a área e bateu de esquerda: 2 a 1 Paraná.

Aos 22 minutos, Lima cobrou falta com muito perigo, a bola quase enganou o goleiro Luiz, que acabou se recuperando no lance. O Paraná caiu de produção com o decorrer do segundo tempo e o Azulão foi dominando as ações do jogo. Até que, aos 32 minutos, Bruno Recife cruzou, Antônio Flávio, livre, cabeceou no canto direito de Thiago Rodrigues: 2 a 2. Os minutos finais foram péssimos para o Tricolor, bagunçado em campo e sem força ofensiva. Até o apito final, o Azulão administrou o empate fora de casa, resultado ruim para o Paraná.