O Tricolor venceu o Vitória que deixou a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. Por 3 a 1, o Paraná subiu para a 11ª colocação na competição e enfrenta o América-RN na próxima terça-feira (16).

Arthur comanda e marca dois na primeira etapa

O Paraná começou sonolento na primeira etapa. Deixava o Vitória criar algumas jogadas, que chegava com perigo principalmente na participação do meia Pedro Ken.

Aos poucos, o Tricolor foi se encaixando e conseguiu abrir o placar com 27 minutos do primeiro tempo. Luisinho fez boa jogada pela direita, rolou para Lúcio Flávio que soltou o pé no travessão e no rebote, Arthur tocou para dentro do gol.

9 minutos depois, Arthur marcou mais um para dar tranquilidade à equipe paranista dentro da Vila Capanema. Em outra linda jogada, Lúcio Flávio passou pelo zagueiro do lado direito e cruzou para Arthur, marcar o segundo e fechar a primeira etapa.

Wnedel marca no finalzinho e Élton desconta

O Paraná voltou para o segundo tempo com a proposta de segurar o placar que era totalmente positivo ao Tricolor, já que vencia o líder Vitória por 2 a 0 com dois gols de Arthur.

Com chances de aumentar o placar, a equipe paranista aumentou apenas no apagar das luzes. Aos 46 minutos, Lúcio Flávio tocou para Wendel, que havia entrado no lugar de Arthur, entortou o zagueiro de forma linda e bateu no canto de Deola.

Segundos depois, na saída de bola, o Vitória conseguiu fazer o gol de honra na Vila Capanema. Na entrada da área, a bola sobrou para o camisa 9 Élton, que bateu alto para diminuir o placar.

Com a vitória, o Tricolor subiu para a 11ª colocação com 38 pontos e enfrenta o América-RN na próxima terça-feira (16), às 19h30, em Natal.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ 3 X 1 VITÓRIA

Local: Estádio Vila Capanema, em Curitiba (PR).
Data: 13 de outubro de 2012, sábado.
Horário: 16h00.

Paraná:Thiago Rodrigues; Ângelo (Douglas Packer), Anderson, Alex Alves e Wendell Borges; Vandinho (Lucas Souza), Ricardo Conceição, Fernandinho e Lúcio Flávio; Luisinho e Arthur (Wendel).
Técnico: Toninho Cecílio.

Vitória:Deola; Carlinhos, Victor Ramos, Gabriel e Gilson (Mansur); Uelliton, Michel (Marcelo Nicácio), Pedro Ken e Tartá (Fernando Bob); Willie e Élton.
Técnico: Paulo César Carpeggiani.

Cartões amarelos: Gabriel, Mansur e Tartá (VIT); Ângelo e Vandinho (PRC).
Gols: Arthur (PRC), aos 27 minutos e aos 36 minutos do primeiro tempo. Wendel (PRC), aos 46 minutos e Élton (VIT), aos 47 minutos do segundo tempo.