Com um elenco recheado de jovens jogadores e revelações das categorias de base, o Paraná tem buscado atletas mais experientes para reforçar o grupo do técnico Ricardinho. O último a desembarcar na Vila Capanema foi o zagueiro Marquinhos, que já treinando com o time tricolor.

Aos 29 anos e com 1,94m de altura, Marquinhos já tem larga experiência no futebol. Revelado nas categorias de base do Corinthians, estreou como profissional no início do ano 2000, e desde então, passou por outras grandes equipes, como Atlético-MG e Náutico, além de ter atuado no futebol turco. O zagueiro disputou o Campeonato Paulista deste ano pelo Botafogo-SP, mas acabou dispensado no dia 13 de março.

Na época em que o jogador deixou o Botafogo-SP, o time de Ribeirão Preto lutava contra o rebaixamento no estadual (escapou somente ontem, na última rodada) e vinha de uma derrota por 6 a 2 para o Palmeiras. Nesta partida, Marquinhos teve atuação desastrosa: marcou um gol contra e ainda foi expulso de campo. Acabou dispensado dois dias depois, encerrando sua passagem de três meses pelo Botafogo.

Umfato que marcou a carreira do zagueiro foi uma discussão que teve com o atacante Carlitos Tevez, quando ambos jogavam pelo Corinthians, em 2005. Durante um treinamento, Marquinhos foi atingido pelo argentino com uma cotovelada no nariz, e ao ver o sangue escorrendo, foi pra cima de Tevez e os dois chegaram a trocar socos, até serem separados pelos companheiros de equipe.