Por João Pedro Alves

De olho na disputa da Série B do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil, o Paraná confirmou nesta segunda-feira (14) o retorno do zagueiro Gustavo após oito temporadas. Conhecido da torcida por aquela passagem de destaque que teve em 2006, o jogador de 32 anos já estava integrado ao elenco há duas semanas, mas apenas agora, com todos os detalhes contratuais resolvidos, é que foi apresentado oficialmente.

Sem clube desde que deixou o Qingdao Jonoon, da China, o novo “xerife” tricolor volta à Vila Capanema como reposição para a defesa em meio à reformulação que a Gralha está passando para a sequência da temporada. Vale ressaltar que, após o Paranaense, a limpa no plantel fez com que Naylhor, Júnior Lopes e Diego Alemão deixassem a equipe.

(Foto: Divulgação/Paraná)

Nesta volta, Gustavo espera repetir o sucesso que teve no clube em 2006 (Foto: Divulgação/Paraná)

O retorno dele acontece por uma necessidade e também pela boa impressão que deixou em 2006, na primeira passagem pelo Paraná. Naquela oportunidade, Gustavo foi titular e um dos destaques do time que foi quinto colocado no Brasileirão e se classificou para a Copa Libertadores. “Foi um momento marcante na minha carreira, o qual eu guardo com muito carinho”, lembra.

O bom desempenho nesta campanha levou Gustavo para o Palmeiras em 2007. De lá, ele ainda passou por Cruzeiro, Vasco, Lecce (Itália), Botafogo e Portuguesa até chegar ao futebol chinês no último ano.

“Tive a felicidade de ter conquistado títulos e feito boas campanhas ao longo dos últimos anos. Estou pronto para contribuir novamente com o Paraná”, destacou ele, que espera ter o nome publicado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF durante esta semana para poder ficar à disposição do técnico Ricardo Drubscky para a partida da próxima sexta-feira (18) contra o Sampaio Corrêa, a estreia na Série B.

Pelas opções atuais do elenco paranista, nesta volta Gustavo terá como concorrentes por uma vaga de titular os zagueiros Brinner, Anderson Rosa e Alisson.