Por Pedro Melo 

Paraná tem quatro pontos de desvantagem para o G4 e três de vantagem para o Z4. (Monique Vilela/Banda B)

Paraná tem quatro pontos de desvantagem para o G4 e três de vantagem para o Z4. (Monique Vilela/Banda B)

Ainda buscando uma regularidade dentro da Série B do Campeonato Brasileiro, o Paraná entra em campo contra o Joinville com dois objetivos: não se distanciar da parte de cima da tabela de classificação e buscar a primeira vitória sob o comando de Marcelo Martelotte.

O treinador paranista segue com muitos problemas para escalar seu time já que o zagueiro João Paulo, o lateral-esquerdo Rafael Carioca, os volantes Jean, Anderson Uchoa e Lucas Otávio e o meia Nadson seguem no departamento médico. Por conta disso, o Tricolor deve repetir a escalação pela primeira vez na Série B, com Diego Tavares na lateral-direita e Leandro Silva e Basso sendo improvisados como volante.

“A intenção a princípio é a manutenção da equipe que jogou na terça-feira (contra o CRB) que a meu ver teve um bom rendimento, uma boa postura em campo e a gente espera que evolua com a repetição da equipe”, comentou Martelotte.

O Tricolor tem 14 pontos e uma vitória pode deixar a equipe com uma distância pequena em relação ao G4. Entretanto, uma derrota pode deixar o clube muito perto da zona de rebaixamento já que tem apenas três pontos de vantagem para o próprio Joinville, primeiro time no Z4.

Joinville não vence há três rodadas

O Joinville não vive um bom momento e vem de dois empates e uma derrota nas últimas três rodadas. Para a partida, o técnico Hemerson Maria tem o retorno do lateral-direito Everton Silva, que cumpriu suspensão, mas Reginaldo, ex-Coritiba, pode estrear na posição. Além disso, o atacante William Barbio também fica como opção após ter o nome publicado no BID.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ X JOINVILLE

Local: Vila Capanema, em Curitiba (PR).
Data: 25 de junho de 2016.
Horário: 16h.
Árbitro: Mayron dos Reis Novais (MA).
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli (SP) e José Araújo Sabino (DF).

Paraná: Marcos; Diego Tavares, Pitty, Alisson e Fernandes; Basso, Leandro Silva, Murilo Rangel e Válber; Robson e Lúcio Flávio.
Técnico: Marcelo Martelotte.

Joinville: Oliveira; Reginaldo, Bruno Aguiar, Ligger e Diego; Naldo, Paulinho Dias, Diones e Carlos Alberto; Juninho e William Barbio.
Técnico: Hemerson Maria.