Dirigente paranista mantém cautela com relação a contratações (Felipe Dalke/Banda B)

Mesmo com a melhoria no momento do clube na temporada, o torcedor do Paraná vive a expectativa pela chegada de reforços já visando a disputa do Campeonato Brasileiro. Com nomes como do zagueiro Cleber Reis, do Santos, e do atacante Carlos, do Atlético-MG, sendo especulados, o presidente Leonardo Oliveira afirmou que o elenco paranista está em processo de análise e que a diretoria não tem pressa para definir as contratações.

“Nesse momento muita especulação acontece. Estamos finalizando um momento de análise do nosso próprio elenco. Com relação aos reforços, enquanto os estaduais estiverem acontecendo, é muito difícil a gente abrir conversa, pois isso só vai dificultar para contratação. Tem que ter tranquilidade, da mesma forma como tivemos no começo do campeonato. No momento certo nós vamos buscar os reforços que a gente precisa”, afirmou o dirigente em entrevista à Banda B.

Buscando soluções dentro do próprio elenco com a retomada da confiança dos jogadores, Leonardo Oliveira espera que o bom momento ajude a diretoria no processo de avaliação dos atletas. “Quando o planejamento não dá certo, nós temos que procurar uma correção de rota. Não dá para avaliar se o jogador serve ou não quando as coisas não estão boas. Os atletas estão sendo avaliados desde o momento que chegaram aqui até hoje, e assim continuará sendo enquanto estiverem no Paraná. O atual momento trouxe tranquilidade, mas sabemos que no Brasileirão não teremos só bons momentos. Vamos procurar fazer com que as dificuldades sejam minimizadas no decorrer do ano”, comentou.

O presidente tricolor também enalteceu a evolução da equipe com a troca no comando técnico após a saída de Wagner Lopes e chegada de técnico Rogério Micale. “O futebol é diferente de uma empresa comum. Às vezes a mudança do ambiente é necessária para que as coisas tomem um novo rumo e comecem a encaixar. E foi isso que aconteceu. Não que o trabalho do Wagner [Lopes] fosse ruim, mas a mudança trouxe novos ares para equipe. O trabalho encaixou melhor com o [Rogério] Micale e as coisas estão entrando nos trilhos”, finalizou.