Por Rodrigo Dornelles com informações de Monique Vilela
Martelotte pede apoio do torcedor. (Monique Vilela/ Banda B)

Martelotte pede apoio do torcedor. (Monique Vilela/ Banda B)

Três vitórias seguidas, salto na tabela e a possibilidade de terminar a rodada no G4 da Série B. O Paraná engatou a quinta e acelerou na competição. Após nove pontos conquistados nas últimas três rodadas, com duas partidas fora de casa, o torcedor paranista se enche de confiança para a dobradinha paranista na Vila Capanema. O técnico Marcelo Martelotte valoriza os bons resultados da equipe, mas pede consciência ao torcedor.

Cauteloso, Martelotte destaca a importância de entender as dificuldades das próximas partidas, ambas em casa, diante de Avaí e Paysandu. “A gente vai trabalhar em cima do entendimento da dificuldade do campeonato. Não vamos ganhar de todo mundo. Vamos sempre trabalhar pelo resultado, mas essas oscilações vão acontecer e é importante reagir nesses momentos”, disse o treinador.

Jogando duas partidas em sequência na Vila Capanema, o técnico paranista espera contar com o apoio do torcedor para lutar pelas vitórias. “Que o torcedor vá ao estádio empolgado pela posição que estamos, mas que entenda a dificuldade, não vamos atropelar. Espero que o torcedor compareça, entenda e ajude, é isso que precisamos, trabalhando junto para chegarmos ao lugar que queremos”, comentou Marcelo Martelotte.

Após a partida contra o Avaí, a Série B terá outras duas semanas em sequência cheias para trabalhar de uma partida à outra. Martelotte foca no jogo contra o Leão, mas admite já projetar o tempo de trabalho. “A gente está pensando no jogo contra o Avaí, ainda não vai ter a recuperação ideal. Mas já projetando, é muito positivo ter duas semanas sem o jogo no meio para trabalhar. Temos que dar atenção completa ao Avaí, mas na sequência teremos condições melhores para recuperar os atletas”, avaliou o treinador.