Muitas coisa sobre o futuro do Paraná Clube segue indefinida. A nova diretoria só toma posse no dia 13 de dezembro, e até lá, pouco deve ser oficializado pelos dirigentes eleitos para o próximo biênio. Por exemplo, a contratação de um gerente de futebol remunerado, promessa de campanha, só será anunciada após o dia 13.

Enquanto isso, muito se especula e pouco de efetivo é divulgado. De certo, apenas que há possibilidade do técnico Guilherme Macuglia permanecer no Paraná para a temporada 2012. O treinador não está em Curitiba, pois está descansando com seus familiares, mas deve vir à capital paranaense na próxima semana, quando se reunirá com a diretoria tricolor para resolver sua situação.

“O Macuglia vem pra Curitiba na semana que vem, vamos nos reunir e assinar a rescisão pelo fim do contrato dele, que vai até o dezembro de 2011. Mas o primeiro nome da lista para treinar o Paraná em 2012 é o Guilherme Macuglia e podemos acertar uma renovação de contrato com ele já nos próximos dias”, explicou o vice de futebol, Paulo César Silva, eleito primeiro vice-presidente na chapa de Rubens Bohlen, que toma posse daqui 13 dias.

Sendo assim, a diretoria paranista admite que a preferência é por renovar com Guilherme Macuglia, mas isso ainda depende de alguns detalhes que devem ser resolvidos apenas na semana que vem. Enquanto isso, os dirigentes trabalham nos bastidores na montagem do elenco e na contratação do gerente de futebol remunerado.