Por Pedro Melo 

Paraná precisa vencer para seguir na Primeira Liga. (Monique Vilela/Banda B)

Depois do adiamento da partida da Copa do Brasil, o Paraná volta as suas atenções para a Primeira Liga e busca a classificação para as quartas de final contra o Figueirense nesta quinta-feira (02), às 19h15, na Vila Capanema. Com três pontos em duas partidas, o Tricolor precisa de uma vitória para conseguir a segunda vaga do grupo.

A última vez que o time titular entrou em campo foi no último dia 19 de fevereiro contra o PSTC pelo Campeonato Paranaense. Por isso, o técnico Wagner Lopes confirmou que vai escalar força máxima “Em todos os jogos nós procuramos colocar o que temos de melhor, principalmente com relação ao cansaço de muitos jogos, sempre quem tiver melhor vai estar em campo”, afirmou.

A grande dúvida do treinador é em relação ao substituto do atacante Vitor Feijão, que ficará seis meses longe dos gramados por uma lesão no joelho esquerdo. Bruno Cantanhede é o favorito para ficar com a vaga, mas Nathan também é uma opção e pode estrear com a camisa paranista.

Não é apenas dentro de campo que a classificação para as quartas de final seria importante para o Tricolor. Caso fique com a vaga, o Paraná receberá R$ 400 mil, dinheiro importante para as finanças do clube.

Figueirense também sonha com a segunda vaga

Com apenas uma partida realizada, o Figueirense precisa da vitória para seguir com chances de classificação para as quartas de final. O técnico Márcio Goiano confirmou time titular e as grandes novidades são o lateral-direito Dudu e o atacante Índio nas vagas de Weldinho e Ermel, respectivamente.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ X FIGUEIRENSE

Local: Vila Capanema, em Curitiba (PR).
Data: 02 de março de 2017.
Horário: 19h15.
Árbitro: Renato Cardoso da Conceição (MG).
Assistentes: Magno Arantes Lira (MG) e Leonardo Henrique Pereira (MG).

Paraná: Léo; Diego Tavares, Airton, Eduardo Brock e Igor; Leandro Vilela, Gabriel Dias, Renatinho e Matheus Carvalho (Guilherme Biteco); Bruno Cantanhede e Ítalo.
Técnico: Wagner Lopes.

Figueirense: Thiago Rodrigues; Dudu, Dirceu, Bruno Alves e Juliano; Josa, Hélder, Yago e João Pedro; Índio e Bill.
Técnico: Márcio Goiano.